Projeto educacional da Escola Carlos Moreira destaca a importância do colono e do motorista em Canguçu

Professora Tanise Stumpf explica que iniciativa tem o objetivo de valorizar a cultura dos colonizadores. (Foto: Reprodução/Facebook)

Um projeto inovador está chamando a atenção da comunidade de Canguçu, nos últimos dias. Criado pela professora Tanise Stumpf, as ações buscam destacar a importância das duas classes de trabalho que se destacam no município: colonos e motoristas.

Desenvolvido na Escola Carlos Moreira, interior de Canguçu, a educadora conta que o objetivo da ação é valorizar a cultura. “Tendo a maioria de nossas famílias colonos, sentimos a necessidade de novamente destacarmos sua relevância no desenvolvimento do nosso município e também do estado”, explica.

O projeto foi pensado de forma interdisciplinar e é realizado com alunos do 6° ao 9° ano. Os estudantes vivenciam em todas as disciplinas tarefas que serão desenvolvidas junto às famílias e tendo como orientadores seus professores.

Para começar o projeto, os jovens pesquisaram sobre a Festa da Colheita e realizaram encenações sobre o evento na escola. As turmas levaram produtos produzidos pelos familiares que serão entregues no Lar De Idosos de Canguçu.

Alunos do 6º ao 9º ano que fazem parte do projeto visitaram a redação do Jornal Tradição Regional. (Foto: Stéfane Costa/JTR)

“A festa da colheita foi trazida pelos antepassados da Pomerânia. Ela é celebrada em cultos de agradecimento pelos frutos colhidos ao longo do ano. Uma das ações foi fazer um vídeo sobre o Colono e Motorista falando das festas do colono que acontecem aqui na região e da importância do colono para o nosso município”, relembra Tanise.

Os vídeos contam com apresentadores e repórteres. Neles, os estudantes falaram sobre a importância do motorista, responsável pelo transporte de tudo que é produzido no município. Ainda neste material, foram feitas entrevistas com motoristas e colonos para finalizar a coleta de dados.

Em Língua Pomerana, disciplina curricular da escola, os alunos usaram adjetivos e imagens que caracterizam colonos e motoristas para realização de vídeos que pudessem mostrar a relevância das duas classes de trabalho. Na escola, deverão ser apresentadas coreografias com músicas de homenagens.

Ainda nesta disciplina, os jovens irão captar informações sobre as primeiras atividades festivas alusivas ao colono e motorista. E, para fechar as atividades, serão produzidas fotos que representam estes trabalhadores na lavoura e na estrada.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome